quarta-feira, 23 de julho de 2008

Falando nisso...

...se tem uma coisa que me deixa BEM PUTA é gente que tenta vender gato por lebre. Tipos, nada contra vender gato. Sempre tem quem compre, sabe. Mas foda é tentar passar a perna. SPP, se pegar pegou.

Fui no orkontro da comunidade lá no Caffe Vanilla. Gente, maior roubada do mundo. Tipos, não vão.

Aí que no cardápio tinha "coxa-creme". Todo mundo sabe que coxa-creme é aquela coxinha que vem com um osso dentro, imensa, tipo Flintstones mesmo. Pedi, felizona.

Veio uma coxinha. Do tamanho de uma coxinha. Cheia de... creme.

Oi, malandro é o gato? Porque ok, aí neguinho vem dizer que uai, você dá o nome que você quiser pro produto que você tem. Beleza.

Vou começar a vender pão de milho e batizar de "picanha". Né? Produto é meu, boto o nome que eu quiser.

Francamente.

12 comentários:

Vinícius disse...

Realmente, esperar comer

http://commons.wikimedia.org/wiki/Image:CoxaCreme.jpg

e ficar com uma coxinha deve frustrar.

Beatrix Kiddo! disse...

Ainda bem que eu só como coxa-creme na Colombo, não tem decepção!

Clayton disse...

Meu! Vc comeu essa coxinha na minha frente! Pq não me falou nada? eu tirava uma foto na hora e já inaugurava meu blog.

Essa de q vc chama o produto do que vc quiser não existe. Uma regra básica de cardápios é usar nomenclatura certa pra tudo. Coxinha é coxinha, coxinha creme é coxinha creme, e o vanilla é um cu.

Igor disse...

Mas Lele...

Coxinha-creme, pela minha lógica, seria uma coxinha cheia de creme. Mas vai saber que em SP seja uma coxa Flinstones-style. =P

Mas concordo em estabelecer nomenclaturas corretas pros pratos. =)

=*

Too-Tsie disse...

Lele, o nivel desse cafe vanilla é tao ruim que eu fui uma vez pra nao voltar nunca mais, tinha um perto de casa, e depois de uns meses FECHOU. Tudo que eu queria nao tinha, e depois nojinho, vi barata passeando lá dentro apesar da decoração linda.

Sobre coxa-creme, sabe onde tem salgados MARA e baratos, acho que custa algo como 1,50?

No shopping Ibirapuera, lá no ultimo piso de baixo, tem um lugar tipo boteco chic em frente a Ofner, sijoga, e leva pra viagem que vale a pena.

Too-Tsie disse...

Ah, detalhe a coxa-creme tradicional que eu conheço, é uma COXA DE GALINHA, empanada num creme e frito.

Nada a ver com coxinha pequena e merreca feita com frango desfiado.

Tinha uma muito boa no Viena, mas da ultima vez que eu comi tava meio sem graça, acho que erraram na mão, e tava meio escuro demais.

Paula disse...

É foda. Já aconteceram coisas parecidas comigo, tipo pedir torta de limão e vir um bolo com cobertura sabor limão

egoscompostosanfipaticos disse...

haha
Foda, né???
Trem que gosta de enganar a gente é a tal da porção de picanha?? Picanha aqui, ó, se não for fraldinha eu pago duas!

Lady Door disse...

Lele,
nossa, juro que não conhecia coxa-creme... depois da descrição, eu quero uma da original!!
Hunfe, Brasília nunca tem nada.

Thais Baptista disse...

Lele, qual filial do vanilla era essa?

Lele Siedschlag disse...

era a da consolação

Lib disse...

a monga aqui uma vez comprou uma coxa-creme achando que era coxinha com catupiry. nao tinha conhecimento de osso nenhum nesse Brazilian Delight.

sei que nao posso reclamar, afinal, entendo e de kibeh e safiha, mas to pra ver coisa mais horrivel do que uma coxinha com uma coxa de frango dentro. :/