terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Eternity itself


Fiquei um pouco mais longeva

Quando a própria eternidade se fez em gotas e saiu pela tua pele

E me caiu sobredentro e me matou a sede d´alma

D´algo que seja perene

Talvez um mar que me transporte para além do carpe diem

E me ancore, agora, ontem, depois

Ed ancora.

2 comentários:

sibelle disse...

lindo, lindo

Rico disse...

Também achei...

Te amo tchuca,

Rico